domingo, 20 de março de 2011

NOSSO DIREITO DE MANIFESTAÇÃO

           É do nosso entendimento que temos o direito de manifestarmos o que bem desejarmos, nos veículos que tivermos acesso, quando considerarmos necessário e sobre o tema que for pertinente. 
          E.n.t.r.e.t.a.n.t.o, nós quando escrevemos neste blog ou na coluna do jornal (JVI), nos identificamos, temos endereço, temos nossas referências. Nós, enquanto pessoas, na condição de cidadãos, não somos favoráveis a "documentos" anônimos. Se um documento tiver que ser anônimo, então que seja na Justiça com direito ao sigilo ou ao anonimato.

Um comentário:

Viajando pela linguagem disse...

Concordo com o que disse. Se estamos num país democrático temos todo o direito de manifestarmos nossas opiniões e, principalmente de apontarmos os erros e falhas que estamos observando. E se quando o fizer sempre com base em fatos reais, sem obra de ficção ou mera coincidência, não há necessidade de se esconder. Acredito que quem é capaz de enxergar o que muitos não vêem ou fingem não ver, não vai ficar no anonimato. O fato é que, enquanto algumas pessoas são acostumadas a agir às escuras não conseguem ver o que é transparente. Bjos.